Notícia

Bancos e cervejas têm as marcas mais valiosas do país

De acordo com a pesquisa produzida pela consultoria de marcas Interbrand, abordando as 25 marcas mais valiosas de 2016, bancos e cervejas estão no topo da lista. Itaú, Bradesco, Skol, Brahma e Banco do Brasil lideram o ranking. A apuração do resultado foi desenvolvida juntamente com a empresa Provokers, que realizou a pesquisa em todo o Brasil, reunindo mais de 1.000 entrevistados e 124 marcas. Gestores de empresas também foram consultados.
Algumas marcas apresentaram um aumento em seu crescimento, como Havaianas, Renner, Ipiranga, Bradesco e Lojas Americanas. Além disso, duas novas marcas fazem parte do ranking deste ano: CVC (primeira agência de viagens a integrar da lista) e Magazine Luiza (que não aparecia mais entre as maiores desde 2015), ocupando a 22ª e 24ª posição, respectivamente.
Mesmo em um ano de crise financeira, sete das 25 marcas analisadas tiveram um crescimento de dois dígitos em seus valores: Renner e Havaianas, com 17% (a maior variação positiva); Ipiranga, com 16%; Bradesco, com 15%; Lojas Americanas, com 14%; Cielo, com 12%; e Bohemia, com 10%. Em nota à imprensa, o diretor de estratégia da Interbrand, André Matias, avaliou a questão: "enquanto a economia brasileira encolhe, o valor total das 25 marcas brasileiras mais valiosas cresceu 5,4% neste ano. O portfólio, que valia R$ 104 bilhões no ano passado, passou a valer R$ 110 bilhões". Em contrapartida, houve quedas expressivas para algumas instituições. A maior delas foi do BTG Pactual (-27%), seguido pela Petrobras (-17%) e, por último, Casas Bahia (-16%)
 
 
 
 
Fonte: Jornal Comércio do RS

22208529

contato

Núcleo de inovação tecnológica

Telefone: (84) 3215-3918

E-mail: nit@reitoria.ufrn.br

Logomarca da PROPESQ
Logomarca da UFRN
Logomarca do IMD
Logomarca do CNPq

Feed de notícias


Acessar o RSS

Desenvolvido pela